Consagração de si mesmo pelo método de São Luis Maria Grignion de Montfort

34 Comentários

Você conhece a Consagração de si mesmo a Jesus Cristo pelas mãos de Maria, segundo o método de São Luis de Montfort – também conhecido por consagração de escravidão a Nossa Senhora? Não conhece ou conhece muito pouco? Contando a vocês como foi a minha consagração, espero poder ajudar a divulgar e mostrar quão belíssima é esta devoção – a devoção verdadeira à Santíssima Virgem e absolutamente necessária para nos salvarmos.

Consagração de si mesmo a Jesus Cristo, Sabedoria Encarnada, pelas mãos de Maria

Deus, sendo Todo-Poderoso, criou o mundo em seis dias. Nos seis dias da criação, com seus “Fiats” fez as coisas maravilhosas que nós temos: Fiat Lux! E a luz foi feita; Fiat Firmamentum!; e assim se fez. Nos seis dias de criação, Deus criou todo o Universo e as coisas que nele existem, ou seja, com seus muitos “Fiats” criou todas as coisas, mas somente criaturas. Ora, Nossa Senhora, na ocasião da embaixada do Anjo Gabriel, com um só “Fiat” criou não apenas uma criatura, mas o Verdadeiro Homem-Deus.  Então quem é mais poderoso: Deus, ou Nossa Senhora?

Esse questionamento foi feito por Santo Tomás de Aquino – obviamente, não se tratou de uma séria dúvida do santo, mas um argumento retórico para mostrar a grandeza de Nossa Senhora. Conheci este eloquente raciocínio em uma palestra dada pelo Sr Gugelmin, membro do IPCO.  Como gostaríamos de ter uma alma tão devota que questionasse a grandeza de Nossa Santa Mãe! E na verdade, precisamos ter, se desejamos entrar no mais seguro caminho de salvação, se desejamos receber incontáveis graças – tão incontáveis que nenhuma outra prática, qualquer que seja, chega aos seus pés. Trata-se de conhecer verdadeiramente a Santíssima Virgem e entregar nas suas mãos toda a nossa vida, vontade, obras, e méritos.  Como fazemos isso? Explica-se:

Quem nos revela este caminho seguro para chegar ao Céu é São Luis Maria Grignion de Montfort, no seu Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem. É preciso, portanto, ler o Tratado (na impossibilidade de se saber ler, alguém deve fazê-lo para a pessoa). Ele explicará no que consiste esta devoção, a necessidade dela para salvar a alma, e tantas outras coisas impossíveis de serem descritas aqui. Quando eu li o tratado fiquei realmente impressionada! Reconhecemos que Nossa Senhora é medianeira de todas as graças – mas com que falsa devoção se faz isso! Esta é também a oportunidade que temos de reconhecer as diversas falsas devoções que se tem à Santíssima Virgem, pois São Luis as descreve como grandes ilusões, capazes de nos colocar em estado de sacrilégio para com esta Santa Mãe! Infelizmente, e principalmente nos dias de hoje, é praticamente impossível não enxergar a si mesmo como um dos falsos devotos descritos pelo santo (eu era a “escrupulosa”).

Antes de comprar o Tratado, e apesar de ser razão suficiente o saber ser esta a mais perfeita devoção à Nossa Senhora, a pessoa deseja conhecer mais sobre o tema. Certamente me pedirá esclarecimentos: Certo, é o caminho mais rápido e seguro para o Céu, mas que se faz concretamente consagrando-se a si mesmo pelo método de São Luis?

Primeiro - Conhecemos Nossa Senhora mais perfeitamente do que por qualquer outro meio. Esse conhecimento passa pelas palavras elucidativas do santo, pelas graças que recebemos com a preparação para a consagração, e continua diariamente com a prática em si.

Segundo - Esta devoção consiste em entregar-se inteiramente à Santíssima Virgem, a fim de, por Ela, pertencer inteiramente a Jesus Cristo. Com isso, damos nosso corpo, com todos os seus membros e sentidos; nossa alma com todas as suas potências; nossos bens exteriores e nossos bens interiores – que são nossos méritos,  virtudes e nossas boas obras passadas, presentes e futuras.  Isto significa que já não teremos mais vontade, mas todas as nossas ações e pensamentos serão com Maria, por Maria e em Maria. Todas as satisfações, méritos para o Céu, indulgências, etc. , que ganhamos cada vez que realizamos uma boa obra, são dadas a Maria para que Ela decida como fazer uso. Já não teremos direito nem mesmo aos méritos das boas obras feitas antes da Consagração, e entregamos todas as que faremos, até o fim da vida. Tudo, absolutamente tudo, e sem esperar qualquer coisa em troca, é dado a Maria.

Essas satisfações, que nós renunciamos, damos a Maria para que Ela comunique a quem lhe pareça e para a maior glória de Deus. Tudo o que pensa, diz e faz de bem pertence a Maria. Quem se consagra, então, fica verdadeiramente reduzido ao nada que é.

Terceiro – Com isto faz-se uma perfeita renovação dos votos do Santo Batismo. Não apenas do ato da consagração, mas diariamente, constantemente, sem cessar. Toda pessoa, antes do Batismo, era escrava do demônio, razão pela qual diz Santo Agostinho ser o voto mais importante o “Renunciar a Satanás, suas pompas e suas obras”. Ora, Maria é Aquela que esmaga a Serpente; entregar-se a Maria é renovar de modo perfeitíssimo os votos do batismo!

Quarto – Apesar de dar absolutamente tudo a Maria, engana-se quem acha que terá de sofrer muito no Purgatório, uma vez que já não poderá contar com absolutamente nada que tenha dito, feito ou pensado de bom. Muito ao contrário! A alma que se escraviza a Jesus Cristo pelas mãos de Maria, com tanta entrega e liberalidade, receberá de Nosso Senhor e Sua Mãe a mais alta generosidade nesta vida e na próxima, na ordem da natureza, da graça e da glória.

Fazendo a Consagração Propriamente Dita

Sendo definitivamente impossível dizer em poucas linhas todas as maravilhas contidas no Tratado e não podendo registrar aqui senão uma ínfima parte do que ele traz de extraordinário, imaginamos que o leitor já se convenceu de que precisa ser consagrado mariano por este método. E deseja igualmente ter uma idéia de como fará isso, se precisará de um padre, que obrigações terá depois, etc.

Pois muito bem: uma vez que se tenha lido o Tratado com bastante atenção e meditação, se faz os 33 dias preparatórios para a consagração. Os exercícios vem descritos no final do tratado, juntamente com as orações que deverão ser feitas em cada período. Os 33 dias estão assim divididos:

12 dias preliminares – Para se desapegar do espírito do mundo.

Primeira Semana - Empregada para adquirir o conhecimento de si mesmo

Segunda Semana - Empregada em adquirir o conhecimento da Santíssima Virgem

Terceira Semana – Empregada em adquirir o conhecimento de Jesus Cristo

Lendo o Tratado, o Santo indica como fazer cada uma destas coisas – como por exemplo,ter o conhecimento e o desprezo de si mesmo ao imaginar-se como uma lesma, um sapo ou uma cobra traiçoeira. É realmente muito valioso esse período: todo o tratado, e mais as orações indicadas, explicam muito bem como fazer. Eu li também os textos de Dr. Plínio Correa de Oliveira sobre a Consagração e não posso descrever as exortações de tais palavras. Em nota, para aqueles que se interessarem, indico a leitura.

Após estes dias de preparação, a Consagração! É feita da seguinte maneira: tendo confessado (se possível no mesmo dia, ou no anterior, ou pelo menos muito perto, tendo a intenção da consagração), comungarão na intenção de se darem a Jesus Cristo pelas mãos de Maria. Esta comunhão é feita de modo especial, por um método descrito pelo santo, que consiste em tomar emprestado o coração de Maria para receber Jesus (é dessa forma também que o consagrado procurará comungar sempre). Após a comunhão, a pessoa recita a fórmula de consagração (está tudo no tratado) e, tendo uma versão impressa, deve assiná-la no mesmo dia.

Está feito! Como vê – e talvez tenha deduzido pelo nome – não é preciso um sacerdote, mas a pessoa sozinha se consagra e firma o compromisso de escravidão a Nossa Senhora. Neste dia, dão também um presente a Maria – que pode ser flores, jejum, ou qualquer outra prática. Eu escrevi uma carta! Meu noivo também, e muitos amigos meus lhe deram rosas. Como consagrados, nós também poderemos ter algumas devoções exteriores para selar o nosso compromisso, como usar uma correntinha de ferro em alguma parte do corpo. Recitamos, diariamente, a Coroinha da Santíssima Virgem, além do rosário ou terço, e o Magnificat – e qualquer das belíssimas orações de São Luis! São palavras tão fortes, tão cheias de amor por Maria!!! Também há de se renovar diariamente esta consagração, nem que seja apenas por uma frase. Eu recito, todos os dias, a fórmula de consagração – a mesma que assinamos.

Todos anos, deve-se renovar esta consagração, isto é, na mesma data (de preferência, uma data de alguma festa de Nossa Senhora) fará tudo conforme o dia em que se consagrou. Se possível, repetirá os 33 dias preparatórios.

Como o próprio São Luis Maria Grignion de Montfort diz, esta consagração é a mais perfeita que há, e será especialmente útil para os últimos dias. Põe-nos inteiramente a serviço de Deus, posto que Maria embeleza nossas obras e as entrega a Seu Filho, tornando-as assim aceitáveis, apesar de nossas misérias. A Rainha, portanto, tudo procura tornar agradável ao Rei; este, por sua vez, ainda que veja nas ofertas alguns defeitos, não repelirá o que veio das mãos Dela. E disto quis a misericórdia divina que tirássemos algum proveito! De fato, Deus é amor.

Abaixo, fotos da minha consagração. Espero que tenha ajudado! Salve Maria!

Assinando o texto da Consagração

Firmando o compromisso


Nota:

Ver textos de Dr. Plínio Correa de Oliveira sobre  o tema em:

Primeira Semana Preparatória:

http://www.pliniocorreadeoliveira.info/DIS_19730423_1asemanapreparatoriaconsagracaonasra.htm

Consagração: Liberdade Suprema

http://www.pliniocorreadeoliveira.info/FSP%2074-12-29%20Consagra%C3%A7%C3%A3o.htm

Fazer todas as coisas com Maria, em Maria e por Maria:

http://www.pliniocorreadeoliveira.info/DIS_SD_720526_Fazer_tudo_com_Maria.htm

About these ads

34 thoughts on “Consagração de si mesmo pelo método de São Luis Maria Grignion de Montfort

  1. Luciana,
    Você tem falado sobre temas que eu quero ler, parece até que anda lendo meus pensamentos, rsrs
    A muito tempo adquiri o livro e só agora estou retomando a leitura.
    Obrigada por mais este tema^^
    você disse que: “Como consagrados, nós também poderemos ter algumas devoções exteriores para selar o nosso compromisso, como usar uma correntinha de ferro em alguma parte do corpo…”
    Como seria esta correntinha? No caso do Santo Escapulário do Carmo, contaria como uma devoção?

    • Salve Maria!

      Essa correntinha é sugerida pelo próprio São Luis, e não é obrigatória: é uma forma piedosa e exterior de honrar a Nossa Senhora e declarar-se escravo dEla. A corrente pode ser como o consagrado queira: fininha ou um pouco mais grossa, levada no pescoço, no pulso, na cintura, no tornozelo… o importante é que seja de ferro. De qualquer forma, é diferente do escapulário. O escapulário é de uso obrigatório – não pode tirar de jeito nenhum -, embora a verdadeira devoção não seja ao objeto de lã em si, mas a Nossa Senhora, na sua invocação do Carmo: é a imposição dele que garante que cremos na mensagem dEla nesta invocação.
      Creio que o mais correto seja usar mesmo a correntinha de ferro, pois é o que São Luis nos indica. Neste ponto penso que não misturar as duas devoções (consagração e escapulário) seja mais correto.
      Ficou claro? Se não, pode perguntar a vontade! rs

      Em Jesus e Maria,
      Luciana

  2. Luciana,
    Que legal este poste… ser escravo de Jesus em Maria é um grande desejo que tenho. Já li o livro e também ganhei outro livro, não sei se conhece. É o “livro de ouro”, que foi escrito por um padre que é consagrado a Maria neste método. De uma forma bem didática e simplificada ele explica como acontece esta consagração, porém no livro ele não dispensa a leitura do Tratado da verdadeira devoção a Maria. Ele indica leituras da bíblia para cada dia da consagração… é muito bom!
    Parabéns pela sua consagração…
    Não vejo a hora de começar a minha.
    Beijos

    • Salve Maria!
      Rezarei pela sua consagração, faço votos para que possa fazê-la em breve! Este livro que disse ouvi falar, é do Pe Lodi, não?
      Obrigada pelos parabêns! =**

  3. Salve Maria – Parabens com louvor pelo blog. Nossa Senhora abençoe de maneira especial este apostolado. Brasilia – DF

    • Salve Maria, sr. Bertoli!
      Fico honrada com as palavras!
      Que Nossa Senhora ajude a nós todos e que vejamos o Reino dEla!

  4. Fiquei emocionada de ver as fotos de vcs, coisa mais linda os jovens Católicos que são instruídos espalhando a fé. Parabéns, Deus lhes guarde sempre.

    Vou pegar a postagem, se n puder é so falar que deleto, abraço

    • Salve Maria!
      Agradeço pelas palavras! Reze para que nós possamos cumprir bem nossa consagração e para que mais jovens se interessem por ela.
      Fique a vontade para postar onde quiser!
      Em Jesus e Maria!
      Luciana

  5. Salve Maria!!!
    Estava aqui lendo algumas coisas sobre a consagração e achei o seu blog. Farei a minha amanhã, 12 de outubro e estou muito feliz em ser escava de Nosso Senhor pelas mãos dessa Mãe tão bondosa!
    Gostei muito mesmo deste post. Vi q vc liberou para uma pessoa postar no blog dela, vou tomar a liberdade de fazer o mesmo e acrecentar a minha experiência. Apesar de ficar com um pouco de vergonha de copiar assim acho q seria bom pq vc explicou tão bem!! Além do mais a verdadeira devoção deve ser propagado né!! rs
    Abraços
    Pax
    Isa. Jataí-Go

    • Salve Maria!
      Que alegria é saber que Nossa Senhora receberá mais uma escrava! Rezarei nas suas intenções, no dia da padroeira do Brasil. Fique a vontade com relação ao post. Se retornar para ler esta resposta – seja em que dia for – peço apenas que me inclua em suas orações.
      Rezando por todos os seus,
      Luciana

  6. Olá, Luciana.Estava muito preocupada com minha consagração, pois eu a conheci há pouco tempo através de uma consagrada e ao falar para o padre aqui da comunidade, ele já me colocou imediatamente a fazer preparação pois a próxima festa será dia 08 de dezembro.Tenho medo de fazer errado, pois já sou filha de nossa senhora, tenho medo de magoá-la e a Jesus também.Aí vão algumas dúvidas, me ajude:Não sou de beber, porém, as vezes bebo um vinhozinho, isso vai me atrapalhar?Eu já me consagro todos os dias á virgem, tenho intimidade com Deus e Nossa senhora, tenho muitas dúvidas.Tenho alguns dons que não entendo muito, de intercessão, visão, eu quero saber se isso vai me ajudar para o crescimento dops dons que o senhor me deu, entende?pois as vezes ele me manda fazer algo e na hora eu não tenho preparo para falar ou rezar, por exemplo.

  7. Salve Maria!
    Já retornei e agradeço pelas orações Luciana. Minha consagração foi simples e cercada de presentes de Deus a começar pela atenção do padre q me fez sentir mais compromissada ainda com Nosso Senhor e Nossa Senhora. Estarei tb rezando por suas intenções hj. Vou organixar o Post no meu blog e volto pra deixar para vc ver. Não pedi para ninguém tirar foto e nem convidei ninguém pra ver mas mesmo assim formou uma turminha de jovens de Deus perto de mim no momento da consagração q inclusive tiraram algumas fotos. Foi interessante pq vieram me perguntar sobre a consagração depois. Considerei providência de Deus para propagar a devoção.
    Fiquei feliz com sua resposta.
    Obrigada pela atenção
    Pena q não tive como ser tão piedosa como vc usando véu e nem pude ajoelhar pq estou com a perna quebrada usando um fixador externo (quase chorei pelo desejo de ajoelhar mas o padre me mandou ajoelhar com o coração)
    Pax
    Isa Oliveira- escrava e filha de Maria Santíssima!

    • Salve Maria!
      Fiquei muito feliz pela sua consagração! Que Nossa Senhora possa lhe dar muitas graças…. nunca esqueça da sua consagração, se possível leia a fórmula diariamente…. eu já sei de cor!

      Caríssima, se deseja um véu, pode entrar em contato comigo, pois eu faço para vender e envio pelo correio… pode mandar um e-mail para mim, se quiser. Ele também traz muitas graças!
      Fique com Deus
      Paz

  8. Luciana, amo ver as matérias do apostolado moda e modestia. Me senti em casa .Amo tudo que é publicado e sinto muito a presença de Deus nas matérias, fotos, e tudo que ele contem.
    Sou escrava da Virgem Maria já faz alguns anos.(Nossa Senhora do Carmo).
    Uso o escapulário e sempre que posso distribuo. Sou coodenadora do Apostolado da Oração no Santuário São Judas Tadeu na cidade de Sorocaba cuja padroeira é Santa Teresinha do Menino Jesus.Me identifico com a moda que vc propõe pois sou da opinião que mulher não precisa ser católica para se vestir bem e modestamente mas infelismente o padrão de hoje é, se não exibir as formas do corpo, a mulher deixa de ser feminina. Ledo engano quem pensa e publica essa idéia .Quero saber tb a respeito do véu. Deus a abençoe por criar este blog maravilhoso e santo. Santa Teresinha e Santa Gianna, rogai por nós!!!

    • Salve Maria!
      Fico muito feliz em saber que aproveita o apostolado de modéstia… em breve abriremos o novo site! Reze por nós!
      Eu também uso o santo escapulário! Também, sempre que posso, divulgo a devoção e presenteio com o escapulário, especialmente porque é muito difícil achá-lo de lã marrom!
      Mandarei um e-mail para lhe falar a respeito do véu!
      Fique com Deus!
      Paz

  9. Luciana, a paz!
    Por gentileza, tenho uma dúvida que preciso sanar o quanto antes. Gostaria muito da sua ajuda. Pode entrar em contato comigo pelo meu e-mail.

    Muito obrigada e fique com Deus

  10. Olá, Luciana!
    Quanta preciosidade em seu site, meus parabéns!
    Também temos em comum essa linda consagração e lendo os comentários postados, me interessei pelo véu e pela correntinha no pescoço, peço mais informações por e-mail, por favor.
    Nosso grupo usa como cadeia e devoção uma fita azul. Visite o site http://www.escravosdemaria.com.br
    Deus a abençoe!
    Luciana

  11. Olá Luciana! Salve Maria!
    Soube há pouco do método e também vou fazer a consagração,reze por mim!
    Faço minhas as palavras da Ana,pois também fiquei emocionada quando vi estas fotos! Como seria bom ver a Igreja povoada de jovens assim!
    Nossa Senhora lhe proteja e defenda sempre.
    Giselle.

    • Conte com as minhas orações, e que Nossa Senhora receba mais esta escrava com todo amor, que só Ela sabe dar!
      Salve Maria Santíssima!

  12. luciana sou devoto de sao luis tambem mas ultimamente nao consigo mais me cosagrar, tenho todos os livros escritos por esse santo que tanto amo e adimiro por sua forte postura gostaria de ter uma imagem de sao luis voce pode me indicar onde comprar desde ja vos agradeço e vou tentar achar novamente o icenso da oração reze por as intenções de maria santissima por tambem me seu escravo e tudo quero receber por ela me correspoda se possível amém.

  13. Oi a Paz de Jesus e o Amor de Maria,ja estou providenciando meu livro tambem eu e meu noivo vamos com a ajuda e a graça de Deus fazermos a nossa consagração tambem,estou pesquisando e procurando entender melhor sobre a mesma e fico feliz em saber cada vez mais sobre a consagração a Nossa Senhora parabéns Paz e Bem!!!

    • Salve Maria, Ítalo!

      Até onde sei não há uma idade específica para se fazer a consagração. Mas, como para fazer a consagração é preciso ler o livro inteiro e compreender o que está sendo explicado, imagino que dificilmente uma criança para fazê-la. Talvez um jovem, de 15-16 anos já seja capaz de entender bem e se consagrar.
      Em Jesus e Maria!

  14. Luciana, boa tarde. Achei seu blog ao procurar sobre a Consagração a Nossa Senhora. Tenho uma filha de 18 anos que quer ser religiosa. Porém a ordem que ela escolheu é devota de São Francisco e eles vivem na miséria. Não concordo mas perdi as esperanças (inclusive em Deus). Agora ela vai se consagrar. Comprou uma corrente grossa com um cadeado para colocar no calcanhar. Para mim foi a morte… Vi que você informou sobre a corrente, portanto, vou providenciar uma mais fina. Estou extremamente infeliz. É ver uma filha querer viver como São Francisco no século XII, abdicar da familia, dos estudos para viver com os miseráveis. Não adiantou dizer que com instrução a ajuda aos necessitados é maior. Não sei mais rezar e choro todos os dias. um abraço,Elisa

    • Salve Maria, Elisa!

      Sei que deve ser difícil para você entender, mas são as vias de Deus.
      Ainda que seja difícil aceitar isso, é preciso, pois a vocação é um chamado de Deus.
      Se é realmente a vocação dela, não há nada neste mundo que ela conseguirá fazer melhor.
      Mas, como a vocação é a vida da pessoa, convém analisar, rezar muito, estudar o que isto significa, para depois decidir o que fazer. Se ela já passou por todo este processo e discerniu que só a vida religiosa a fará feliz e a favorecerá na conquista do Céu, só nos resta rezar e dizer “amém”.
      Espero que você já esteja melhor quanto a isso. Desculpe a demora em responder.

  15. Parabéns Sra. Luciana por este seu valiosos apostolado!
    Escrevo-lhe de Roma e prometo minhas pobres oraçoes por si, seu esposo, seus familiares e todos que visitem seu blog.
    Aproveito a ocasiao para lhe sugerir o endereço http://www.pliniocorreadeoliveira.info/mariologia.asp aonde ha’ muitos outros comentarios e/ou explicaçoes do Prof. Plinio a respeito da devoçao a Nossa Senhora ensinada primorosamente por Sao Luis Maria Grignion de Montfort.
    Em Jesus e Maria – Nelson

  16. Elisa,
    você poderia ficar feliz por sua filha não seguir nenhum caminho mau,que viesse a perder a alma dela.Assim seria muito melhor,não acha?Muitas pessoas lhe responderiam assim ao ver a sua tristeza materna…
    Entretanto,gostaria apenas de falar o que se passou e se passa comigo.
    Eu pensava que tinha vocação religiosa na adolescência e minha mãe não aceitava,ficava triste.E quantas mães preferem que suas filhas se casem com homens que não vivem a santidade da Igreja,ao invés de vê-las realizadas na vida religiosa…
    Isso me entristecia,pois,ao mesmo tempo em que eu queria mesmo ser religiosa,percebia que estava chateando a minha mãe,que não entendia como eu estava feliz, e as pessoas pensavam que eu estava totalmente errada em seguir uma vida onde se usa véu e hábito,numa congregação diziam “séria demais”…Tentavam me fazer desistir de todo jeito.
    Hoje,sou adulta e vivo como solteira,tento viver conforme ensina a Santa Igreja,mas sinto muita saudade desse tempo que passou,pois eu lhe garanto que eu era realmente muito feliz,e,apesar de procurar caminhar, nunca mais me senti tão feliz e realizada como era.
    Tenho uma amiga que se casou e uma vez desabafou comigo que gostaria de ter sido religiosa,mas a mãe não deixou e ela acabou se casando.
    Não entendo porque tantas mães acham melhor escolher para suas filhas a vocação que somente Deus gravou em cada alma…
    Por isso,penso que não é o fim do mundo,que você fique feliz se sua filha assim estiver,pois ela poderia se perder neste mundo,mas está se sentindo chamada para se doar…
    Vocação é algo pessoal,é dada a cada um por Deus,e deve ser respeitada como dom.
    A vocação religiosa é linda e abençoada,acho uma pena que as famílias não falem a respeito disso,não incentivem os filhos a que busquem sua verdadeira vocação…Os filhos sofrem com isso e a família e a Igreja perdem muito.

    Perdoem-me um certo desabafo,mas espero ter ajudado com reta intenção…

    Que Nossa Senhora possa tocar seu coração de mãe.
    Paz!

  17. Muito bom blog, estou me consagrando a Nossa senhora e tirei minhas dúvidas aqui. que Maria passe na frente de todos os projetos dessa familia paz e Bem.

  18. Salve Maria!
    Queria saber onde eu posso comprar as correntes para consagração, para usar no braço.
    Não sei como fazer, tem que soldar é?
    Tem algum site que venda?
    Obrigado

    • Cara Daniela,
      Algumas pessoas compram em lojas de utilidades para o lar, como materiais de construção e mandam colocar um fecho.
      No entanto, conforme me explicou uma amiga católica formada em Engenharia, o ouro é também um ferro, de modo que você pode usar uma corrente de ouro como símbolo da consagração.
      Fique com Deus!

Este blog tem proteção contra comentários com conteúdo impróprio e palavras de baixo calão. Críticas só construtivas. Obrigada!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s