Quando eu vi a Sagrada Imagem de Fátima

Destes olhos saíram lágrimas...

Eis a Sagrada Imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima: a que verteu lágrimas cerca de 14 vezes! E eu tive a honra de vê-la em 2 ocasiões: no Congresso dos Fundadores e na sala do Reino de Maria, do IPCO. No primeiro caso, ninguém do congresso esperava ser visitado por Ela, e foi realmente uma surpresa extraordinária! Aconteceu da seguinte maneira:

Estando o Sr. Gugelmim palestrando “O koh-i-noor de Nossa Senhora“, narrava as peripécias da rainha Maria Tereza, e como esta havia chorado para que um exército lhe defendesse – e tal foi comoção dos homens ao vê-la chorando, que gritaram: Viva o Rei Maria Tereza! ” Ora, mas e a Nossa Rainha? Que faz a Nossa Rainha para ser ouvida? Ela aparece, dá a sua mensagem ao mundo, oferece o Seu Imaculado Coração – e quando nada disso parece comover seus filhos, também Ela chora, também ela verte lágrimas. E Ela está aqui. E Ela vai entrar por esta porta.

Eis as últimas palavras do Sr.  Gugelmin antes que Ela entrasse: anunciada por cornetas, envolta em estandartes, segurada com honra – e nisto não tivemos nenhuma dúvida: era a Sagrada Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima que entrava pela porta do auditório, a mesma que chorou, a milagrosa, a imagem viva! À mim parecia que mudava de expressão: ora mais triste, ora mais serena. De qualquer forma, esta é a imagem que pode chorar a qualquer momento. Que lhe parece? Estar tão próximo da santa imagem que Nossa Senhora, do Céu, escolheu para depositar Suas santas lágrimas? Poder estar na mesma sala da imagem escolhida a dedo por Maria Santíssima?

Talvez alguns não conheçam a história, mas esta Sagrada Imagem chorou pela primeira vez em 1972 em Nova Orleans – devido a onda de imoralidade que assaltava (e ainda assalta)  esta cidade. O impressionante acontecimento foi largamente noticiado por jornais do mundo inteiro, em alguns nas primeiras páginas. Inúmeras pessoas presenciaram e dão testemunho do prodígio. As fotos da imagem em prantos, e divulgadas naquela época — nas quais se podem notar lágrimas nos olhos e uma gota que pende do nariz — são do Pe. Elmo Romagosa, uma das testemunhas oculares do fato. Esse sacerdote, para obter a plena comprovação de que se tratava verdadeiramente de milagre, fez várias experiências com a imagem, e não encontrando qualquer explicação natural para o ocorrido, caiu de joelhos e acreditou. [1]

Há quatro imagens internacionais e peregrinas de Nossa Senhora de Fátima. Elas foram destinadas a percorrer o mundo levando a mensagem de arrependimento e penitência. Foram esculpidas pelo artista José Thedim segundo descrições imediatas da irmã Lúcia, a única sobrevivente dos pastorinhos de Fátima. É de se acreditar, portanto, que são uma espécie de sombra mais perfeita do que tenha sido a aparição de Nossa Senhora.  Estar diante de uma imagem peregrina internacional de Fátima é uma benção – pelo fato de ser peregrina, por ter sido esculpida de acordo com a descrição da irmã Lúcia, e por ser afinal uma imagem de Nossa Senhora destinada a percorrer o mundo! Mas apenas uma chorou, e é esta que vêem nas fotos, que foram tiradas este ano.

Não é possível descrever as graças que se recebe por ver a Sagrada Imagem. Quando eu estava na sala do Reino de Maria – a própria sala já é algo extraordinário – acontecia uma vigília. Tudo envolto no mais absoluto silêncio, e ela, magnífica, no centro. Parecia que participávamos, de certa forma, do acontecimento em Fátima, em 1917. Lúcia via, escutava e falava com Nossa Senhora; Jacinta via e escutava; Francisco apenas via. Nós, na sala do Reino de Maria, éramos aquele pastorinho que ganhou apenas o direito de ver Nossa Senhora como numa imagem congelada – mas ainda assim, era o nosso quinhão de milagre. É essa a sensação mais próxima de ver a Sagrada Imagem.

Nota [1]

http://www.adf.org.br/home

Anúncios

3 comentários sobre “Quando eu vi a Sagrada Imagem de Fátima

Este blog tem proteção contra comentários com conteúdo impróprio e palavras de baixo calão. Críticas só construtivas. Obrigada!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s