Santo Batismo da minha filha

Salve Maria!

Lupita foi batizada no dia 25 de março – dia da encarnação do Verbo no seio puríssimo da Virgem Maria – , 9 dias depois que nasceu, mas não tive tempo de dividir com vocês algumas fotos! Eis algumas deste momento especial e solene, em que minha filha foi resgatada das mãos do demônio, e já se conta entre os membros do corpo místico de Cristo. Foi no rito tradicional!

Admissão na entrada da Igreja: o padre a “insuflou”, dando os 3 sopros em forma de cruz, chamando o espírito de Deus; expulsando o espírito maligno e exigindo que se desse lugar ao Espírito Santo. Também fez o sinal da Cruz  para que Deus olhe para a sua nova serva, Maria de Guadalupe.

Então o padre impôs as mãos em Lupita, fazendo uma oração. Depois colocou sal bento na sua boca.

Entrando, cantando o Credo.

Lindo momento! Eu estou segurando Guadalupe, pois minha irmã (que é a madrinha) não pôde ir, e foi representada pela nossa madrinha, um pouco insegura para carregá-la nos braços.

Ela ficou tão quieta… durante todo o batismo, só estremeceu no exorcismo. Nem mesmo a água a despertou do sono…

Eu estava um pouco nervosa, pois ela havia saído do hospital na quinta-feira (ficou seis dias lá…), e a igreja fica realmente muito distante da minha casa. Então, estava apreensiva se ela acordaria com fome; mas voltou para casa na mesma calmaria, só despertando assim que chegamos.

Deus os abençoe!

Anúncios