Notas {setembro, 2014}

image

Começar o  caminho do alfabeto foi ótimo! Em breve vou fazer um post resumindo as atividades das semanas da letra A… Eu fiz um planejamento que vai deste mês até agosto do ano que vem, sendo que em dezembro nós não faremos porque durante o advento e Natal nós nos dedicamos ao aniversário de Nosso Senhor, e isso já nos ocupa bastante! Com férias em dezembro, retomamos em janeiro! Estas são algumas fotos da nossa visita à uma exposição de animais da selva africana:

image

image

image

Estou fazendo…

image

Alguns brinquedos para Lupita. O pai montou a estrutura de papelão e eu decorei. Quando ela estiver um pouquinho mais crescida, planejo a casinha de madeira para durar toda a infância, mas por enquanto, prefiro brinquedos e brincadeiras com materiais baratos, especialmente porque as crianças nessa idade são muito curiosas e querem sempre novas coisas. Imagine comprar sempre brinquedos em lojas? Não dá…

image

 Estamos lendo…

imageGostamos muito de ler. É algo natural aqui em casa. Comecei a ler livros em voz alta para Lupita quando ela tinha apenas 1 mês. Gostava de ler os livros de Dr.Seuss, pois são cheios de rimas e o autor é muito criativo. O pai e eu estamos sempre com um livro nas mãos, e ela nos imita, pois também é da índole dela. Podia acontecer de, apesar do exemplo, ela não ser tão apreciadora… Mas aconteceu. Não sei se Dimi irá pelo mesmo caminho (por enquanto ele apenas come os livros, rs); faremos como sempre fizemos, mas se ele não seguir com tal facilidade, encontraremos outras formas de ajudá-lo.

Lupita ama a bíblia dela. Ela realmente lê com entusiasmo, conta ou inventa suas próprias versões; freqüentemente pega o livro na estante e passa quase uma hora lendo, praticamente sem incomodar. O mais extraordinário é vê-la conversando com os personagens dos livros. Conversa com todos eles. No caso da bíblia, ela vive dando severas broncas nos soldados romanos por terem machucado Jesus. Vou editar um dos vídeos que gravei e postar aqui… Tenho de me segurar para não rir, e é, ao mesmo tempo, emocionante. O justo seria chorar, porque é de fato comovente vê-la pedir aos soldados romanos que, ao invés de maltratarem Nosso Senhor, eles cuidem Dele. Está é a versão que usamos:

image

Lendo, em vários momentos (bom, claro que ela ainda não lê, tem apenas 2 anos e meio):

image

image

image

Estou precisando…

Voltar a escrever no meu diário espiritual. É uma boa forma de continuar refletindo com Deus algumas coisas da minha vida, especialmente agora, depois de casada, onde nossas vidas parecem tão centradas “neste mundo”.  O tempo de noivado me parece um tempo onde eu estava tão centrada espiritualmente, que às vezes eu sinto como se tivesse sido, em parte, uma aspirante à vida religiosa. Fico feliz de ter aproveitado tão bem esta época, o que só foi possível graças ao namoro santo. Com ele, ganhei um tempo precioso, cheio de paz, em que eu pude me dedicar à boas leituras, retiros, idas frequentes à comunhão.

Estamos planejando…

Comemorar ainda mais o Natal desta vez. Será nosso quarto Natal em família, e ainda temos muito o que nos dedicar. Com as crianças maiores será mais divertido incrementar a data com novas tradições (é impressionante quantos detalhes maravilhosos cercam o aniversário e a tradição de comemorar o aniversário do Senhor!).

Estamos criando…

Um novo apostolado. Há seis anos atrás, começamos no apostolado de modéstia; eu criei meu antigo blog, Teus Vestidos, há quatro anos, e sinto que dei a minha contribuição nesse campo. Senti solidão, em muitas vezes, por causa da falta de união entre as pessoas que também promoviam este apostolado na Igreja, incluindo eu mesma. Até hoje eu sinto que as pessoas que falam deste assunto simplesmente não conseguem se comunicar muito bem, e essa atmosfera tão desgastante foi tirando a minha vontade de continuar. Claro, eu também não imaginei falar sobre o tema por um longo tempo, porque de certa forma, eu sempre fui muito alheia à moda… sou grata a Deus pela inspiração de colocar-me no momento certo dentro deste apostolado, mas agora, me vejo completamente disposta a fazer outra coisa, que envolva aquilo que me ocupa mais hoje em dia: a educação dos filhos. O curso, Pedagogia Católica para Aplicação das Famílias está sendo maravilhoso neste e em muitos sentidos… peço orações para este e outros projetos! Abaixo, gravando o curso:

image

Diário, Setembro – 02

imageSetembro…

Na metade do mês começa o meu planejamento do caminho do alfabeto com Lupita. Vamos fazer uma pequena comemoração para marcar o início, além de consagrar os estudos dela à Santa Teresinha do Menino Jesus. Vou usar o blog como diário e registrar essas atividades, porque às vezes tenho a impressão de que não fazemos muita coisa, até que eu revejo tudo o que fiz na semana! Passaremos 3 semanas fazendo atividades com a letra A, e aprenderemos, entre outras coisas, a história de Santana! (Acima, a imagem que temos em família)

Mês passado…

imageDimi completou 1 ano! Graças a Deus!

Fizemos muitas atividades em casa:

image

Este teatro impresso para montar deu um trabalhinho para o pai! Dedicado, foi ele quem imprimiu, recortou, colou e montou. Por fim, disse que era mais fácil montar os móveis da casa! Mas o resultado ficou ótimo e Lupita diverte-se bastante com ele. Faz parte do nosso projeto de contar histórias para ela usando recursos. Espero postar sobre isso depois. O teatro é sobre João e Maria, que ela ama. Quase todos os dias, desde que contamos à ela a história pela primeira vez (há alguns meses), temos de narrar tudo de novo! Daí a ideia de oferecer algo especial para este conto que ela não se cansa de ouvir…

image

A caixa fechada…

imageimage

O mais interessante de tudo é que você vai retirando o cenário conforme a historia vai sendo contada. Baixe o teatrinho AQUI.

O pai também aproveitou uma caixa velha para fazer uma casa de bonecas:image

Aprendendo a usar a cola bastão, colando imagens de Nossa Senhora:image

 Atividades para mantê-la ocupada enquanto cozinho: estas me ajudam bastante. Abaixo, papel contact grudado na parede para servir de quadro adesivo. Barato!

image

O melhor de um dia especial…image

Fazendo brinquedos para Lupita

Bebês adoram novidades e querem explorar coisas novas várias vezes por dia! Realmente, não dá para comprar todos os brinquedos interessantes que vemos pela frente, especialmente porque estes costumam ser muito caros. Eu vivia no dilema de achar o que agradasse à Lupita, e acabava me frustrando porque ela  gostava mais da caixa do que do brinquedo em si! :)  Todas as coisas da casa lhe interessam muito, e ela parece sempre enfadada de seus mordedores. Por essa razão, resolvi fazer seus brinquedos. É bem mais barato do que pagar em média 50 reais por uma distração de bebê. Nos blogs de mães norte-americanas, há diversas ideias de como fazer você mesma, e eu coloquei algumas em prática!

Eu chamei este brinquedo de aquário (ou aquaplay, para lembrar algo da minha infância, você escolhe).

Você vai precisar de: saco de guardar alimentos no freezer; fita adesiva silver tape; gel; brinquedinhos para pôr no saco. Eu tentei achar peixinhos, mas não consegui. Acabei optando por estas engrenagens, que lembram o mastro de um navio. No fim, achei bem legal. Você encontra boas opções em lojas de artigos para festas de aniversário.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAFazer é muito simples: coloque um pouco de gel no saco e vá mesclando com os brinquedos. Faça isto até espalhar bem o conteúdo. A fita silver tape é para colocar ao redor do saco, fechando-o bem e protegendo as bordas. Resultado final:

OLYMPUS DIGITAL CAMERAÉ o que eles chamam de brinquedo sensorial! Produz uma sensação interessante quando mexemos no saco, pois o gel desliza! 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Há tantas possibilidades de usar esses sacos de freezer para criar sacolas sensoriais! Você pode colocar muitas coisas dentro, desde sementes, papel picotado, purpurina… ainda tenho 7 sacos, e pretendo criar outros brinquedos com ele.

Garrafinhas plásticas também produzem ótimos brinquedos para bebês. Lupita amou essa garrafinha e foi seu brinquedo preferido por dias (é claro que eles enjoam de tudo, e muito mais rápido do que gostaríamos):

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPara fazer é fácil: escolha o “recheio”: no meu caso, miçangas coloridas e água. Depois eu resolvi colocar glitter antes de fechar (eu usei um pouco de cola quente no fim da parte de enroscar a tampa para me certificar de que não abriria).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAÉ claro que, não sendo brinquedos oficiais, você deve estar por perto. Aqui, não aconteceu nada suspeito, mas sempre é bom vigiar. De qualquer forma, eu nunca a deixo sozinha, seja com que brinquedo for.

Usando a criatividade, qualquer coisa pode se transformar num brinquedo legal. Eu a deixei explorar meus retalhos de tecido, papel celofane, vasilhas plásticas… pratos de aniversário! Agora, sempre que penso em brinquedos para Lupita, minha imaginação se volta para armarinho, lojas de artesanato, utensílios para o lar, entre outras artes! Na medida do possível, venho postar mais do que andamos “aprontando”! Espero que seja útil à muitas mamães! Salve Maria!

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Como trabalhar contos de fadas: um planejamento para as férias

Eu amo contos de fadas. Eles permitem uma abordagem riquíssima de elementos culturais como poucos gêneros literários; são tradicionais e frequentemente têm valores morais bons e cristãos; as crianças amam e são indispensáveis para a formação das mesmas! Estou ajudando uma amiga que gostaria de trabalhar com um tema específico nas férias dos seus filhos, até que o ano letivo comece mais ou menos em março. Escolhemos juntas o tema e pensamos no que poderia ser trabalhado nestes meses, de modo a não apenas ler muitas histórias, mas desenvolver a criatividade e inteligência dos pequenos.

Dito isto, achei nas minhas pesquisas um interessante programa da Biblioteca Nacional da Escócia, que propõe uma série de atividades que promete resultados de excelência no desenvolvimento dos alunos. E, convenhamos, a Escócia entende de contos de fadas! Como está em inglês e eu traduzi o programa para esta minha amiga, postarei aqui no blog nos próximos dias, para quem se interessar e desejar fazer o mesmo com seus filhos. É de grande valia ocupar o tempo de nossos filhos nas férias – onde tantos correm o risco de ficar na ociosidade. Está, portanto, perfeitamente em tempo de você fazer seu próprio planejamento para acompanhar este programa. Eu também fiz alguns acréscimos ao programa  – não por pretensão, mas tendo em vista ajudar a família em específico, e nada impede que você igualmente se beneficie das minhas anotações. Elas estarão indicadas na tradução do texto original.

Comentários a respeito deste planejamento:

Um dos objetivos é ler os contos de fadas originais. Nada impede que você leia também as adaptações, pois há também coisas notáveis em muitas delas. Mas ler as histórias originais fazem toda a diferença, especialmente porque elas são cheias de nuances específicas deste gênero literário, de uma época, e de uma moral. As adaptações costumam atenuar ou mesmo apagar estas nuances. Portanto, selecionamos Perrault, Andersen e os Irmãos Grimm. Ao escolher e comprar os livros a serem trabalhados, preste muita atenção à autoria. “Contos de Andersen” nem sempre são exatamente de Andersen, mas re-contados por outro autor, frequentemente o tradutor. Vale a pena checar as credenciais da edição que você está interessado. Eu vou indicar as edições que estão de acordo com estes critérios e que o meu conhecimento limitado permitir.

As ilustrações são parte importante do programa. Há edições modernas dos contos de fadas que trazem ilustrações grotescas ou pobres de conteúdo estético. Na minha opinião, vale a pena investir em edições que, além de uma boa tradução, tenham igualmente boas gravuras. O programa prevê uma pesquisa à parte sobre os ilustradores (coisa que a internet irá nos facilitar bastante, pois poderemos mostrar aos nossos filhos em formato de slides).

Crianças de todas as idades se adaptam ao programa, sejam ou não alfabetizadas. As principais atividades são: ler os contos de fadas juntos e desenvolver 7 pontos fundamentais. Dentro destes 7 pontos há uma série de atividades propostas. A maioria não exige material além do muito básico; consiste, sobretudo, nos pais estimularem a imaginação da criança através  da investigação intelectual.

Sempre que possível, eu trarei informações adicionais para aplicação do programa. Nossas famílias estão planejando, por exemplo, uma festa temática para o fim do período de estudo. Você pode selecionar filmes, levar as crianças para ver peças teatrais, baixar músicas, fazer artesanato: o tema é realmente muito amplo, e o mercado permite encontrar muitos produtos relacionados a contos de fadas. Cabe aos pais enriquecer o período em que se dedicarão à este estudo, lembrando sempre que não é preciso sobrecarregar as atividades, mas sim incluí-las de forma diluída e natural no dia-a-dia da família. 

Espero que aproveitem e gostem! Fiquem com Deus e a Santíssima Virgem! Aguardem: o programa será postado em partes.

* As ilustrações deste post são de Millicent Sowerby, para o livro Cinderella, de 1915.